A Nossa História

Você Está Aqui: Home / A Nossa História

“A Terra provê o suficiente para a necessidade de todos, mas não para a voracidade de todos”.

(Mahatma Ghandi)

 O “Movimento Planeta Verde”, recebeu dia do Ministério da Justiça a importante classificação de [Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP)], pelos trabalhos realizados na área social e ambiental durante 17 anos de atuação e consecução dos objetivos para os quais este Movimento foi criado, em 1996.

O MPV dedica-se a preservação ambiental, inclusão e educação, visando a colaborar e a cooperar com a prevenção, a redução e a reversão dos efeitos danosos advindos do uso de recursos naturais, bem como do impacto da presença humana, entendendo o meio ambiente como um conjunto que engloba a natureza, o homem e as necessidades de ambos.

Foi criado a partir da iniciativa de Henrique Arthur de Souza que, inspirado pelos trabalhos de seu pai Carlos Lucas de Souza, (Patrono do Movimento). Começou a doar mudas de plantas frutíferas aos pais dos recém-nascidos no Hospital da Asa Sul. Cada muda recebe o nome da criança e vem acompanhada de um “certificado de nascimento” da planta que contem os dados da criança e da planta, estabelecendo uma importante e duradoura relação. Tornando-os irmãos, ambos, filhos da mãe Terra.

O diferencial desse trabalho consiste no acompanhamento do desenvolvimento das árvores plantadas, ou seja, o “pós-plantio”, por meio do fornecimento das orientações necessárias para que realmente as árvores sejam cuidadas e cresçam sadias, a fim de cumprirem sua destinação, além da associação das árvores com os nomes das pessoas que as plantaram.

Atualmente, o Movimento desenvolve, prioritariamente, os seguintes projetos:

  • PROJETO “MATERNIDADE VERDE”

Doação de árvores frutíferas aos pais de recém nascidos, nas maternidades. Essas mudas são acompanhadas de certificados e informativos que contêm orientações sobre a importância do aleitamento materno e da alimentação saudável e adequada, além de instruções sobre o plantio e a manutenção das árvores.

PROJETO “PLANTE-ME! SOU VIDA!”

Plantio de árvores frutíferas de espécies nativas do cerrado por alunos de instituições educacionais e de entidades congêneres, acompanhadas de certificados e informativos que contêm instruções sobre a manutenção de árvores.

Os objetivos fundamentais do Movimento Planeta Verde são:

promover estudos, executar projetos e implementar ações básicas que visam:

à proteção do meio-ambiente;

ao reflorestamento e à preservação de áreas degradadas;

ao combate à fome e à pobreza;

ao estímulo à participação efetiva do cidadão na vida da comunidade;

à educação para o exercício da cidadania, em especial de crianças e jovens;

  • encorajar o uso criativo de plantas nativas (frutas, flores, sementes etc.), visando a promover sua utilidade em diversos aspectos da vida humana, tais como a culinária, a geração de renda, a expressão artística, o uso medicinal, etc.
  • estimular a participação da comunidade no reflorestamento consciente e em sua preservação, a educação ambiental e a sensibilização quanto às questões ecológicas, buscando parcerias com os diversos setores públicos e privados;
  • implementar ações relacionadas ao desenvolvimento e à exploração sustentável, como forma de erradicação e de combate à fome e de redução da pobreza e do impacto ambiental decorrente da presença humana;
  • promover a eco-inclusão, especialmente dos portadores de necessidades especiais, por meio de métodos práticos e emocionalmente significativos, adotando-se a emoção como linguagem universal;
  • inspirar o respeito, a educação e a conscientização sobre o papel das árvores no meio ambiente, especialmente nas zonas urbanas e rurais, demonstrando suas utilidades práticas no dia a dia humano;
  • reconectar e estreitar os laços entre homem e natureza por meio de arranjos nos quais as necessidades mútuas sejam respeitadas, educando indivíduos e despertando seu senso de responsabilidade de modo positivo e construtivo, com a internalização das noções de preservação e de desenvolvimento sustentável;
  • facilitar o cumprimento da responsabilidade social de cada individuo, bem como das organizações, tornando-a exequível, realizável e descomplicada, de modo a oferecer soluções para a redução da pegada de carbono, estimulando o uso responsável dos recursos, a conscientização ambiental, etc; de modo a proporcionar a materialização da boa intenção e da boa consciência.

A título exemplificativo convém lembrar que, em Brasília, nascem, aproximadamente, 100.000 crianças/ ano. Portanto, a ampliação do Projeto Maternidade fará com que sejam plantadas e cuidadas 100.000 árvores frutíferas/ ano. No Brasil, ao todo, serão plantadas milhares, levando-se em conta que, segundo o IBGE, a cada hora nascem 321 bebês, o que totaliza, em doze horas, 3.852 bebês. São, portanto, mais de 5 bebês por minuto, ou seja, um a cada 11,2 segundos.

“Em qualquer parte da terra um homem estará sempre plantando, recriando a vida. Recomeçando o mundo”.

(Cora Coralina)

O sonho não acabou para os que sabem transformar sonhos em realidade.

Ajude-nos a AGIR para que o sonho de uma vida melhor para todos não seja sepultado junto às decepções dos que não participam. Participe!.

(Henrique Arthur de Souza)